No dia 7/12/2017 a CAPES premiou as melhores teses defendidas no ano de 2016 nas diferentes áreas de conhecimento.

Na área 21, que compreende Educação Física, Fisioterapia, Terapia Ocupacional e Fonoaudiologia, a tese premiada foi “Validação do Protocolo de avaliação do frênulo da língua em bebês”, de autoria de Roberta Lopes de Castro Martinelli, sob orientação da Profa. Dra. Giédre Berretin-Felix, desenvolvido na FOB/USP.

A produção científica resultante da referida tese compreende artigos em periódicos e premiações nacionais e internacionais, além de ser referência para a Lei Federal nº 13.002/2014, com relevante impacto social. A Fonoaudiologia conquista o prêmio de melhor tese da área 21, sendo motivo de muito orgulho para a Motricidade Orofacial e toda a profissão!
foto com o presidente da CAPES
foto prêmio Capes

foto prêmio Capes 2017